Tucano, o "bicudo" mais famoso das Américas

   Tucanos são aves da família dos ranfastídeos, de aparência bem diferenciada, caracterizadas em geral por corpo predominantemente preto, pescoço branco, bico longo e colorido. Vivem espalhados pelas Américas Central e do Sul, existindo exemplares deles em ambientes tão diferentes quanto Amazônia, Pantanal, Cerrado e Mata Atlântica.

   Um mito comum sobre esse belos animais - a julgar pela aparência - é que têm um bico duro e pesado, e que acaba por dificultar seu voo e movimentos. Isso, porém, não é verdade. As aves dessa família possuem bico realmente resistente, porém oco e consequentemente leve (bem leve mesmo, pouco mais pesado que o isopor); portanto, a grande atração que é essa sua comprida e distinta "ferramenta" em nada os atrapalha, pelo contrário, apenas os ajuda: na obtenção de alimento, na troca de calor, na intimidação de outras aves e, no caso dos machos, para atrair a fêmea. Os bicos dos tucanos equivalem em comprimento a quase metade de seu tamanho total, variando conforme a espécie.

   Quanto ao relacionamento dessas aves, tucanos são altamente sociais, podendo viver em bandos com até cerca de 20 semelhantes. Todavia não é raro encontrá-los em pares na natureza. Isso ocorre pois de vez em quando os casais se retiram por alguns momentos dos grupos, principalmente na época da procriação. São pássaros monogâmicos, fiéis aos seus parceiros e que não apresentam dimorfismo sexual - ou seja, macho e fêmea não possuem direnças de aparência (como ocorre em outros animais, como pavões, por exemplo). A maneira de diferenciar ambos, no caso, é pelo famoso bico, que no macho é mais comprido e na fêmea, mais curvado.

   Os parceiros trabalham juntos na construção de ninhos em ocos de árvores, a mãe choca os ovos (cujo período de incubação é de 18 dias), mas é o macho que alimenta os filhotes (de 3 a 4 em número).

   São animais que em raras ocasiões descem ao solo, sendo os seus pé zigodáctilos (isto é, com dois dedos para frente e dois para trás, característicos de bichos que trepam em galhos) boa prova disso. No alto das árvores, têm sua base alimentar resumida em frutinhas; entretanto, nescessitando de um certo nível de proteína no organismo, caçam insetos, pequenos répteis (como lagartixas) e pequenos anfíbios (como pererecas).

   Tucanos são animais de gostos interessantes e um deles é a afeição pelo banho de chuva. Tanto é que há um senso comum entre certos grupos indígenas de que quando um bando de tucanos se ajunta é porque vai chover.

   Em Monte Verde, com um pouco de atenção e sorte, é possível observar e fotografar esses fascinantes animais. E, se avistá-los, não deixe de apreciar o momento. De fato, aqueles que já viram um ou mais casais dessas aves em seus magníficos voos matinais ou pelo fim da tarde no cenário da serra, dizem jamais esquecer a graciosa cena.